Água mineral: Benéficios

Se você não gosta de água de torneira, pode beber água mineral. Mas se preocupe em escolher uma marca de confiança.

Água mineral: Benéficios

Algumas são engarrafadas com pouco cuidado, sem respeitar as medidas de higiene e acabam se tornando fontes de bactérias.

As águas minerais são diferentes da água comum por apresentarem características físicas e químicas próprias. Algumas, as termais, têm temperatura natural pelo menos 5° acima daquela água comum; outras, as gasosas, contêm gás carbônico (natural ou adicionado artificialmente); outras ainda, as radioativas, apresentam radioatividade ao aflorarem na fonte, mas essa propriedade se perde ao serem engarrafadas.

Do ponto vista químico, elas podem ser divididas em sete grupos, com efeitos benéficos adicionais diferentes:

1. Alcalinas (como a Prata) – São úteis nas doenças do fígado e do estomago.

2. Arsenicais – São usadas como vitalizadores nas astenias e convalescenças.

3. Cálcicas e magnesianas (como a São Lourenço) – São indicadas para atenuar a gota, distúrbios renais e da vesícula; também para a prevenção do câncer, por seu teor de magnésio.

4. Ferruginosas (como Cambuquira e Lambari)  – São indicadas para pessoa portadoras de anemias.

5. Sulfurosas (como Poços de Caldas, Caxambu, São Pedro) – São usadas no combate ao reumatismo, às moléstias da pele e da gargante.

6. Indeterminadas (como Lindoia e Araxá) – São úteis por sua propriedades físicas,principalmente a radioatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *